O tango, conhecido mundialmente, é o mais legítimo representante da musicalidade da Argentina. Mas você conhece os demais ritmos musicais argentinos? Aperte o play pois, hoje, vamos te mostrar alguns deles.

A música na Argentina

A música é uma das manifestações culturais mais importantes para constituir uma identidade nacional. Também é uma das melhores maneiras de se aprofundar um pouco mais na cultura de um país de forma divertida. Nós, como brasileiros, temos a musicalidade na veia. Na Argentina não é muito diferente. Portanto, hoje te convidamos a fazer uma viagem conosco através dos ritmos musicais argentinos.

Entretanto, nem só de tango vive a Argentina. Dessa forma, iremos viajar através dos diferentes estilos musicais presentes de Norte a Sul, para entender um pouco mais sobre sua incrível cultura e seu povo que tanto  se orgulha de suas tradições. Vamos conhecê-los?

Tango

Não podemos começar a falar de ritmos musicais argentinos sem falar dele, o Tango. E Buenos Aires, considerada Capital Mundial do Tango, é nosso ponto de partida e local ideal para se envolver com esse ritmo. Espalhados pela cidade, podemos encontrar casais se apresentando com toda a sensualidade característica dessa dança.

Sem falar nas maravilhosas casas de tango, com todo o luxo e suas apresentações impecáveis. A dança é tão marcante e dramática que é difícil não se emocionar, sendo uma das experiências que você não pode perder quando estiver em Buenos Aires.

Veja aqui as melhores casas de tango de Buenos Aires.

Milonga

gastos-em-buenos-aires-2019-milonga

Muita gente se confunde quando falamos de milonga. Apesar de ser bastante semelhante ao tango, são ritmos diferentes. A milonga é uma dança menos séria e mais acelerada, sendo dançada pela população em geral. Lembrando também que milonga é o local onde moradores e turistas se reúnem para dançar tango. E Buenos Aires, claro, tem várias opções. Não deixe de visitar uma quando estiver na cidade. 

Conheça as melhores Milongas de Buenos Aires.

Cuarteto

Chegando na zona central do país, mais especificamente na linda cidade de Córdoba, encontramos um dos ritmos musicais argentinos mais animados, o Cuarteto.  Nascido da década de 40, atravessou a fronteira cordobesa e hoje, podemos escutá-lo facilmente em Buenos Aires e outras regiões da Argentina.

Assim como no tango, é realizado em casal, mas de forma bem mais simples. Os argentinos desfrutam bastante dançá-lo, tendo a alegria como sua marca registrada. Por isso, quando estiver na Argentina, arrisque uns passos também e se contagie com esse ritmo tão divertido.

Folclore

O folclore é um dos ritmos tradicionais argentinos característicos do campo. Tem origem a partir da mescla de várias culturas indígenas e também tem influências das culturas africana e espanhola. Para ter um gostinho da cultura gaucha argentina, você não precisa ir muito longe. Bem pertinho de Buenos Aires você pode passar o dia em uma linda estância, conhecendo esse ritmo e essa cultura tão fascinantes.

Confira aqui como é o dia em uma Estância.

Chacarera

Subindo um pouco, chegamos no Noroeste Argentino para conhecer um ritmo folclórico super alegre, a Chacarera. Como teve influência da cultura europeia, a dança lembra um pouco as quadrilhas dançadas pela elite da Europa que aparecem nos filmes de época.

Caso tenha a sorte de encontrar um grupo dançando na Avenida Corrientes ou em algumas praças de Buenos Aires, aprecie o momento e deixe se envolver pelo seu ritmo festivo e nostálgico. Diversão garantida

Malambo

Agora vamos descer até a região da La Pampa argentina para conhecer outro ritmo folclórico chamado Malambo. A dança é realizada principalmente por homens e consiste em fazer movimentos com os pés, como um sapateado, buscando imitar os movimentos do homem do campo. Os movimentos são tão rápidos e precisos que você não consegue piscar. É um verdadeiro espetáculo.

Diversidade musical

E não para por aí! Podemos encontrar ainda outros ritmos musicais argentinos bastante populares: no litoral, temos o tradicional Chamamé, também comum em muitas cidades brasileiras. Chegando na região Noroeste, temos o Zamba, que se pronuncia como o nosso samba mas é bem diferente. O zamba argentino também faz parte da música folclórica e é dançado em pares e com lenços.

Já no Norte, temos o também tradicional Carnavalito. Como o nome sugere, é um ritmo bastante festivo e super alegre, dançado por grupos desde a época pré-espanhola. Para finalizar, não podemos deixar de falar do ritmo mais popular argentino na atualidade, a Cumbia. Apesar de ter origem colombiana, foi incorporada e adaptada à cultura argentina. É impossível andar por Buenos Aires e não escutar seu ritmo alegre.

Dica Aguiar

Buenos Aires de Cruzeiro em 2019/2020

Quando estiver em Buenos Aires, mergulhe na cultura local através da música. Você pode apreciar os melhores shows de tango do país, marcar presença em uma Milonga, conhecer o folclore e malambo visitando uma típica estância ou prestigiar os diversos artistas de rua espalhados pela cidade. Ah! Não deixe de nos marcar no instagram.

Se está planejando sua viagem a Buenos Aires te recomendamos BAIXAR NOSSO APLICATIVO com dicas, lista de restaurantes, hotéis e passeios, se inscrever em nosso CANAL DO YOUTUBE com vídeos e dicas semanais e nos SEGUIR NO INSTAGRAM para acompanhar nossos posts direto de Buenos Aires.

Tem alguma dúvida?

Mês da viagem

Nome

Email

Duvida

Deseja receber nossas ofertas?