Centro Cultural Recoleta: para os amantes das artes

Centro Cultural Recoleta já foi convento, prisão e asilo. Há mais de 30 anos, recebe mostras de artes visuais e espetáculos variados.

Centro Cultural Recoleta: para os amantes das artes em geral

Inaugurado em 1980, o Centro Cultural Recoleta é uma das inúmeras atrações do bairro de mesmo nome, tão rico em beleza quanto em história. É um ponto de encontro para os amantes da cultura e das artes em geral. O local oferece espetáculos de música, dança e teatro, mostras de artes visuais, ciclos de cinema, além de cursos e oficinas em diversas áreas artísticas.

Vizinhos turísticos

Vizinho do famoso Cemitério da Recoleta e da icônica Igreja do Pilar, o Centro Cultural Recoleta divide com ambas atrações a origem em comum: o Convento dos Monges Recoletos, membros da ordem franciscana que se estabeleceu na região no início do século XVIII. O edifício onde funcionava o convento abriga hoje o Centro Cultural Recoleta. O cemitério ocupou o lugar da horta dos monges. A igreja é a mesma da época do claustro e foi inaugurada no mesmo dia: 12 de outubro de 1732, dia da Virgem de Pilar.

Academia de Desenho

O talento do local como centro produtor de arte tem antecedentes históricos. Em 1815, por iniciativa do padre Francisco de Paula Castañeda, o Convento abrigou uma academia de desenho que recebeu 18 alunos. A entidade foi transferida depois para o Consulado de Buenos Aires.

Centro Cultural Recoleta: Monumento Histórico Nacional desde 1948

Centro_Cultural_Recoleta_Google

O prédio do atual Centro Cultural Recoleta e seus arredores passaram por um plano de reformas levado adiante pelo primeiro intendente de Buenos Aires, Torcuato de Alvear. Em 1948, o prédio foi declarado Monumento Histórico Nacional.

Longo caminho até virar Centro Cultural Recoleta

Antes do uso que se tem hoje, o complexo dos Monges Recoletos foi utilizado com diferentes finalidades: foi escola de agricultura, jardim botânico, prisão, quartel, asilo de mendigos e asilo de anciãos, que funcionou no local até 1978. No ano seguinte, o complexo foi transferido para a Secretaria de Cultura, como parte dos festejos dos 400 anos de fundação de Buenos Aires. Em dezembro de 1980, foi inaugurado como Centro Cultural Ciudad de Buenos Aires, sendo rebatizado em 1990 com o nome que leva atualmente: Centro Cultural Recoleta.

Shopping de Design vizinho ao Centro Cultural Recoleta

Também na década de 90, preservando a antiga fachada da rua Azcuénaga e da avenida Pueyrredón, foi inaugurado o Buenos Aires Design Center, um shopping temático, dedicado ao design, construção e decoração, além de bares e restaurantes.

El Aleph: sala de espetáculo do Centro Cultural Recoleta

Em dezembro de 2010, como parte das comemorações dos 30 anos do Centro Cultural Recoleta, foi reaberto o auditório El Aleph, uma das mais importantes salas de espetáculos da cidade. O local havia sido inaugurado em 1885, como capela do asilo e foi reformado para receber a sala de espetáculos. Apesar das intervenções, conserva o estilo neogótico original, com um mural assinado por Francisco Paolo Parisi en 1906.

Fuerza Bruta

Entre as atrações atualmente em cartaz no Centro Cultural Recoleta, a companhia teatral Fuerza Bruta é sem dúvida uma das mais disputadas. Os espetáculos do grupo destacam-se pela inovação estética, a ocupação do espaço cênico em grandes dimensões, além do uso de uma linguagem experimental e de recursos inovadores. Para se ter uma ideia, os espectadores ficam em pé durante toda a apresentação, que dura 80 minutos, e são convidados a mover-se e, em alguns casos, participar. Não é fácil conseguir lugares, por isso, se você puder, compre as entradas com antecipação.

Loja

O Centro Cultural Recoleta tem uma lojinha no hall de entrada, onde podem ser comprados catálogos, artes gráficas e souvenires. Aberta ao público de terça a domingo, das 13h30 às 20h30.

Para ver a programação completa do Centro Cultural Recoleta, clique aqui.

Se está planejando sua viagem a Buenos Aires te recomendamos BAIXAR NOSSO APLICATIVO com dicas, lista de restaurantes, hotéis e passeios, se inscrever em nosso CANAL DO YOUTUBE com vídeos e dicas semanais e nos SEGUIR NO INSTAGRAM para acompanhar nossos posts direto de Buenos Aires.

Tem alguma dúvida?

Mês da viagem

Nome

Email

Duvida

Deseja receber nossas ofertas?

By |2018-03-06T11:25:56+00:00março 6th, 2018|Categories: ARTE + CULTURA, Blog, PASSEIOS + PONTOS TURÍSTICOS, ROTEIROS + DICAS|Tags: , |Comentários desativados em Centro Cultural Recoleta: para os amantes das artes

About the Author:

Adriana Albuquerque
Piauiense de nascimento, cearense de coração e casada com um portenho, Adriana adotou Buenos Aires há 9 anos. Ela é formada Comunicação Social e mãe de uma adolescente e de um filho pequeno. Uniu-se à equipe da Aguiar para produzir posts para o blog e hoje é a nossa redatora mais ativa. Provavelmente você já leu e anotou uma dicas que ela passou. Apaixonada pelo Brasil, aprendeu a amar também Buenos Aires. Já não pode viver sem mate, o chimarrão local. Adora ler, comer e viajar.