Mercadinhos e supermercado em Buenos Aires: onde encontrar?

Procurando mercadinhos ou supermercado em Buenos Aires?  Recebemos tantas perguntas desse assunto que decidimos te contar quais as maiores redes presentes, onde ficam e apresentar opções mais alternativas e – muitas vezes – econômicas. A comprar!!!

Mercadinhos e supermercado em Buenos Aires: onde comprar

Para quem é turista, os supermercados são muito mais do que um local de compras: são verdadeiros microcosmos, onde se pode observar um pouco da cultura local, matar o tempo conhecendo produtos que você nem sabia que existiam ou, claro, fazer compras para diminuir os gastos com restaurantes, entre otras cositas más.

Você vai ver que há uma imensa oferta de supermercado em Buenos Aires – desde os chamados hipermercados até os menorzinhos, muitos deles conhecidos como “supermercados chinos” devido à origem asiática de seus proprietários.

Hipermercados fora da capital

Boa parte dos hipermercados de grandes cadeias internacionais encontram-se em zonas menos centrais, muitas vezes na área metropolitana da cidade. São interessantes, mas nada que justifique sacrificar seu tempo de passeio para se deslocar até lá. Dito isso, vamos falar de opções de mercadinhos e supermercado em Buenos Aires que estejam mais próximas de onde os turistas geralmente se hospedam.

Carrefour do Paseo Alcorta

Há diversas cadeias de hiper e supermercado em Buenos Aires, com lojas em pontos próximos a zonas e bairros turísticos. É o caso, por exemplo, do Carrefour que fica dentro do Shopping Paseo Alcorta. É bem parecido com o modelo das lojas do Brasil, mas você vai ver artigos bem portenhos também – tanto na parte de comidas e bebidas quanto roupas e decoração. Eu adoro!

Jumbo de Palermo

Outra boa opção é o Jumbo de Palermo (Avenida Intendente Bullrich, 345), um lugar gigante que se divide em uma infinidade de sessões, é organizado e tem uma grande e variada oferta de produtos, como todo hipermercado que se preze. Destaque para a sessão de vinhos, onde é possível encontrar algumas pérolas – que valem como tal. Se quiser ver mais coisas de casa, aproveite para visitar o Easy, que está ao lado e tem desde material de jardinagem a construção, passando por móveis e decoração. O Jumbo também está em outros bairros, como Puerto Madero (Lola Mora, 421), embora aqui um tanto quanto escondido.

Disco na Recoleta

Na Recoleta, uma boa opção é o Disco, que tem lojas um pouco menores, mas com produtos bem diferenciados, muitas vezes na linha gourmet – e com o preço equivalente, é bom ressaltar! Tem várias filiais no bairro, veja aqui qual é mais conveniente. Destaque para sucursal da Av. Presidente Manuel Quintana, 366.

Coto no Centro

Na região do Centro, uma opção de supermercado em Buenos Aires um pouco mais popular, mas bastante diversificado é o Coto, na rua Viamonte, 1571. Há sucursais por diversos bairros e você pode até não se deslumbrar com o local, mas também não vai se decepcionar. Tem variedade e preços mais acessíveis.

Mercadinhos chinos

No bairro de San Telmo não há nada muito grande. A melhor pedida por lá são os mercadinhos chinos a que já nos referimos antes. Eles estão por toda a cidade e, em geral, não têm nada de muito fino, nem mesmo um design bonitinho, mas quebram bastante o galho.

Há quem não goste de comprar frios nesse tipo de comércio porque existe a lenda – e até onde sei é pura lenda, não há provas – de que eles têm por hábito desligar as geladeiras durante a noite.

Mas eles também costumam ter preços acessíveis e geralmente reservam um espaço para algum boliviano vender frutas e verduras. Dica importante: esses mercadinhos geralmente têm os melhores preços para quem quer comprar vinho.

Carrefour Express

Assim como em algumas cidades do Brasil, aqui na Argentina a rede Carrefour vem investindo bastante num modelo de loja mais reduzido, para compras mais rápidas – daí o nome express. Eles estão por toda parte – desde os bairros mais nobres até os mais populares. Você vai encontrar bastante coisa que se espera de um supermercado, embora talvez com menos opções de marca. Veja na página deles a sucursal mais próxima de você.

Lembrancinhas de supermercado em Buenos Aires

Os supermercados são um ótimo local para comprar lembrancinha em Buenos Aires. Além de coisinhas pra casa, livros e até roupas ou acessórios, existem algumas iguarias bem locais que podem fazer muito sucesso como presente. É o caso, por exemplo, do chorizo colorado, ou do famoso chimichurri. O primeiro é um embutido a base de carne de porco moída, temperada com especiarias com sabor forte e picante. Marcas sugeridas: 42 e Paladini.

Já o chimichurri  também pode ser comprado no supermercado em Buenos Aires. Trata-se de um molho muito usado por aqui para acompanhar carnes, marinar peixes e aves, como tempero para salada e até para acompanhar o pãozinho do couvert de entrada. Feito à base de salsinha, alho, orégano, vinagre, azeite de oliva, pimenta moída e um pouco de sal, é uma delícia! Nossas marcas sugeridas: Darama, Alicante (desidratado) e Marian Arytza.

Leia aqui nosso post sobre onde comprar lembrancinha em Buenos Aires

Alfajor e Doce de leite no supermercado em Buenos Aires

O supermercado em Buenos Aires é um dos melhores locais para comprar alfajor e doce de leite. Como são muito consumidos por aqui, geralmente há uma grande oferta de marcas e variedades – e os preços costumam ser mais acessíveis do que em outros comércios.

Você não vai encontrar da marca Havanna, por exemplo, mas recomendamos várias outras que são deliciosas e estão nesses comércios, como alfajor Abuela Goye , Cachafaz, Negro e Jorgito. De doce de leite, compre sem medo qualquer as marcas Cachafaz, Chimbote, La Serenísima (tipo Colonial) e Sancor.

Veja nesse post mais detalhes sobre marcas e locais para comprar alfajores e Aqui você se informa melhor sobre as opções de doce de leite.

Vinhos no Supermercado em Buenos Aires

o-que-não-comprar-em-Buenos Aires-vinho

Como dissemos antes, o supermercado em Buenos Aires costuma ter muita variedade de vinhos – uns mais do que outros. Se você quer optar mais por qualidade e refinamento do que preço, pode recorrer aos hipermercados, que geralmente têm uma seção de vinhos mais elaborada.

Se a ideia é comprar algo legal, mas baratinho, sem muita grife, o melhor local é, sem dúvida, um mercadinho chino. Alguns vinhos mais simples que recomendamos são o Argento Malbec Rosé (Bodega Argento), o Cafayate Malbec (Bodegas Etchart) e o Don David Cabernet Sauvignon (El Esteco). Os da Bodega Rutini Wines (Rutini e Trumpeter nas variações que você prefira) são um pouquinho mais caros, mas encontrados nas prateleiras dos chinos também, assim como os da Bodega Catena Zapata.

Se está planejando sua viagem a Buenos Aires te recomendamos BAIXAR NOSSO APLICATIVO com dicas, lista de restaurantes, hotéis e passeios, se inscrever em nosso CANAL DO YOUTUBE com vídeos e dicas semanais e nos SEGUIR NO INSTAGRAM para acompanhar nossos posts direto de Buenos Aires.

Tem alguma dúvida?

Mês da viagem

Nome

Email

Duvida

Deseja receber nossas ofertas?

By |2018-09-27T23:31:47+00:00setembro 14th, 2017|Categories: Blog, COMPRAS + DINHEIRO, DORMIR + BAIRROS|Comentários desativados em Mercadinhos e supermercado em Buenos Aires: onde encontrar?

About the Author:

Adriana Albuquerque
Piauiense de nascimento, cearense de coração e casada com um portenho, Adriana adotou Buenos Aires há 9 anos. Ela é formada Comunicação Social e mãe de uma adolescente e de um filho pequeno. Uniu-se à equipe da Aguiar para produzir posts para o blog e hoje é a nossa redatora mais ativa. Provavelmente você já leu e anotou uma dicas que ela passou. Apaixonada pelo Brasil, aprendeu a amar também Buenos Aires. Já não pode viver sem mate, o chimarrão local. Adora ler, comer e viajar.