O que fazer em Buenos Aires no feriado de 1 de maio

Fazendo planos para vir a Buenos Aires no feriado de 1 de maio? Ótimo! Mas é importante preparar sua programação melhor do que nunca porque no Dia Mundial do Trabalho muitos locais e atrações turísticas têm horário especial e, em grande parte dos casos, nem funcionam.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio

Em maio já estamos em pleno outono, que traz um friozinho gostoso e forma bucólicas paisagens ao longo de toda a cidade. Tapete de folhas amarelas pelo chão, a elegância e o charme dos casacos de meia estação, o prazer de combinar o clima com um bom vinho e uma irresistível tábua de frios são razões suficientes para render uma ótima viagem a Buenos Aires no feriado de 1 de maio. Mas existem algumas restrições exatamente por conta do merecido descanso dos trabalhadores portenhos.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio: áreas verdes

O Dia Mundial do Trabalhador é um dos dois feriados em que algumas atrações turísticas, supermercados e até mesmo bares e restaurantes fecham (o outro é o dia 1 de janeiro).  Mas mesmo assim, não falta o que fazer pra se divertir na cidade. Começando pelos espaços abertos. Com exceção do Jardim Botânico, da Reserva Ecológica e dos parques Sarmiento, Manuel Belgrano e Roca, todas as demais áreas verdes da cidade ficam abertas, incluindo as inúmeras praças onde costumam ser realizadas feirinhas ao ar livre, os bosques de Palermo (com exceção do Rosedal) e o Jardim Japonês.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio: mais atrações a céu aberto

Há também outras atrações turísticas na cidade que estão ao ar livre e que você pode aproveitar para conhecer no seu passeio por Buenos Aires no feriado de 1 de maio. Por exemplo, a impactante Flor Metálica; o Caminito – esse incrível e colorido calçadão conhecido como um “museu a céu aberto”; e até mesmo a calle Florida, onde é provável que algumas lojas abram mesmo com o feriado, para aproveitar a presença dos turistas na cidade.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio: Praça de Maio e arredores

A icônica Praça de Maio está em plena reforma e a data prevista para terminar é o final de abril. Se você ainda não veio a Buenos Aires, deve dar um pulinho por lá, mesmo que a reforma continue. De preferência, vá durante o fim de semana, já que no feriado a Casa Rosada, o Museu do Bicentenário (da Casa Rosada) e o Cabildo não estarão abertos à visitação. Mas atenção: para visitar a Casa Rosada é preciso se inscrever antes pela internet. A Catedral, por sua vez, abre também nos feriados, mas até o fechamento deste post o horário para o feriado do Dia do Trabalhador ainda não tinha sido definido.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio: o que não funciona

Como dissemos antes, muita coisa não funciona em Buenos Aires no feriado de 1 de maio. É o caso de todos os museus e teatros dependentes da administração municipal (Gobierno de la Ciudad), como o Museu Nacional de Belas Artes e o Museu de Arte Moderna. O Café La Biela, um dos preferidos pelos turistas, tampouco abre no dia 1º. A Fundação Proa, em La Boca, embora pertencente à iniciativa privada, é outo local que não vai abrir no feriado, assim como o Malba, que não abre às terças-feiras. Se você tem intenção de conhecer alguns desses locais, programe a visita para outro dia que não seja a terça-feira. Supermercados, cinemas, shopping centers e a famosa livraria El Ateneo também estarão fechados no dia 1º.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio se chove

Maio é um mês que costuma registrar chuvas leves, mas também traz belos dias de sol, que costumam ter manhãs frescas, tardes com temperaturas que não passam dos 20° C e noites novamente mais frescas. Se estiver chovendo no feriado, você pode optar por alguma das charmosas cafeterias ou confeitarias portenhas. Ao contrário do La Biela, por exemplo, o famoso Café Tortoni estará aberto, assim como a confeitaria Las Violetas.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio: San Telmo

Uma programação imperdível na cidade é o charmoso bairro de San Telmo, um dos mais boêmios e culturais da capital portenha. No domingo, tem a feirinha de antiguidades da Praça Dorrego. No feriado de 1 de maio, pode até ser que também haja algum movimento, mas com certeza não será tão intenso. Seja qual for o dia que você escolha para visitar o bairro, não deixe de conferir a estátua da Mafalda, que fica na rua Bolívar, 778. Importante: na terça-feira o Mercado de San Telmo – outra atração local além da feirinha de fim de semana – permanece fechado.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio: Restaurantes abertos

Em Puerto Madero – um dos bairros preferidos pelos turistas e portenhos para comer bem – com certeza alguns dos inúmeros restaurantes da zona estarão abertos. Além disso, só o passeio ao longo do calçadão já vale a pena e rende ótimas fotos. Em bairros como Palermo, Centro e Recoleta você também não terá dificuldade de encontrar bons restaurantes abertos.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio : Locro

E por falar em restaurantes, se você está em Buenos Aires no feriado de 1 de maio, vai perceber que grande parte dos restaurantes argentinos oferece como destaque um prato chamado Locro. Trata-se de uma iguaria característica da região dos Andes, um ensopado de carne (geralmente de gado ou de porco), a base de abóbora, feijão e milho, embora haja certa variação de ingredientes. Um autêntico “exemplar” da comida criolla (comida com uma forte influência local, como o que chamamos no Brasil de comida típica).

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio: Onde comer

parilla-buenos-aires

No nosso Portal de Dicas, na opção “Onde Comer”, você encontrará uma lista de excelentes restaurantes divididos por bairro. Se a ideia é uma comida rápida e de qualidade, nesse post contamos para você onde encontrar os melhores lanches e comidas típicas e nesse outro listamos as melhores empanadas de Buenos Aires.

E que tal um sorvete? Veja AQUI a lista das melhores sorveterias de Buenos Aires. Mas se o que você procura é uma experiência gastronômica totalmente argentina e super divertida, nossa dica é curtir os terraços e varandas dos restaurantes. Veja mais AQUI.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio: Transporte Público

O transporte público funciona em Buenos Aires no feriado de 1 de maio, embora com alguma alteração na frequência ou nos horários. Você pode checar os horários das linhas de metrô na página da Metrovías. Já para saber sobre determinada linha de ônibus, confira a página oficial da empresa responsável.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio: Passeios

E se você não quer perder nenhum passeio, pode optar pelos demais dias que passar na cidade para ir a um show de tango, fazer um passeio de barco sobre o Rio da Prata com almoço e vista panorâmica para a cidade; ou ir ao The Argentine Experience, um divertido e delicioso jantar a portas fechadas em que você aprende a fazer sua própria empanada, entre outras coisas.

O que fazer em Buenos Aires no Feriado de 1 de maio: E mais passeios

Outros passeios que você pode fazer na sua viagem – com exceção do dia 1 de maio – são os famosos city tours nos ônibus de dois andares, perfeitos para quem tem pouco tempo; o selfie tour, uma nova forma diferente de visitar os pontos turísticos de Buenos Aires; o passeio de barco pelo rio da Prata ao município de Tigre; a visita ao Zoológico de Luján; o passeio a Colônia do Sacramento, no Uruguai; entre outros.

Nesse último caso é importante se programar com antecedência. Quando é feriado na Argentina, muitos portenhos viajam para bucólica Colônia do Sacramento. Para isso, optam por uma das confortáveis balsas do Buquebus, empresa que oferece o transporte de turistas pelo Rio da Prata entre Argentina e Uruguai. Esse é um passeio que se esgota rápido nos feriados!

Se está planejando sua viagem a Buenos Aires te recomendamos BAIXAR NOSSO APLICATIVO com dicas, lista de restaurantes, hotéis e passeios, se inscrever em nosso CANAL DO YOUTUBE com vídeos e dicas semanais e nos SEGUIR NO INSTAGRAM para acompanhar nossos posts direto de Buenos Aires.

Tem alguma dúvida?

Nome

Email

Mês da viagem

Duvida

Deseja receber nossas ofertas?

About the Author:

Adriana Albuquerque
Piauiense de nascimento, cearense de coração e casada com um portenho, Adriana adotou Buenos Aires há 7 anos. Ela é formada Comunicação Social, e mãe de uma adolescente e de um filho pequeno. Uniu-se à equipe da Aguiar para produzir posts para o blog e hoje é a nossa redatora mais ativa. Provavelmente você já leu e anotou uma dicas que ela passou. Apaixonada pelo Brasil, aprendeu a amar também Buenos Aires. Já não pode viver sem mate, o chimarrão local. Adora ler, comer e viajar.